Dificuldades, amizades e experiências

-- Deixe um comentário

A algum tempo que venho pensando em reativar o meu blog, mas sempre que pensava nisso me vinha na cabeça o fato de precisar subir um servidor com PHP e MySQL, instalar o WordPress, configurar os plugins, escolher um tema, etc… E isso já me desanimava.

Foi então que percebi que alguns blogs estavam utilizando apenas HTML estático e JavaScripts, e pensei que poderia fazer algo do gênero…

Tentei usar uma conta gratuita do Heroku, para um blog simples, com paginas estáticas e sem muitos acessos, me parecia bem interessante… Quebrei a cabeça durante um mês, mais ou menos, e acabei desistindo por não conseguir entender exatamente como funcionava…

Neste período percebi que o Fernando (um colega de empresa) tinha seu blog da forma como eu tinha imaginado e no blog ele falava de ter migrado do WordPress para um tal de Jekyll… foi aí que comecei a conversar com o Fernando e perguntei como funcionada o blog e onde ele o hospedava…

Conhecendo o Jekyll e o GitHub Pages

Ele me apresentou o Jekyll e me falou que era possível hospedar gratuitamente o blog no GitHub, em um projeto público… juro que fiquei “perplecto” com a notícia, pois já utilizava o GitHub e desconhecia esta possibilidade, então fui pesquisar sobre o GitHub Pages e o tal Jekyll, pois me parecia bastante simples de utilizar…

Bem… o inicio não foi tão fácil assim… até porque não li o manual por completo (tststst)… mas o Fernando me ajudou a criar um projeto inicial com o tema padrão do Jekyll, e disse que me ajudaria com o layout, assim que eu começasse a escrever e publicasse o blog…

Então criei a pagina sobre e o post inicial dizendo ao mundo que estava reativando o blog… ajustei o arquivo CNAME e configurei os servidores DNS para apontarem para o GitHub… e “voilà”… o blog estava no ar… mas parei por aí estagnado pela minha dificuldade de escrever…

Sempre tive muita dificuldade de escrever, um pouco por falta de prática, não tenho costume de escrever ou anotar as coisas… esta dificuldade me atrapalha também na produção de documentação de minhas atividades…

O primeiro post (de verdade)

Foi então que me surgiu a ideia para escrever meu primeiro post para o blog, numa brincadeira do próprio Fernando que comentou, quando viu eu e minha equipe voltando da academia, que parecíamos o Quarteto Fantástico… e que só não sabia quem seria a mulher invisível…

Inicialmente minha equipe não gostou muito da comparação, mas também rimos com a piada… alguns dias depois pensando sobre a possibilidade de relacionar a equipe com os integrantes do Quarteto foi que escrevi o post, que foi um sucesso… principalmente pela curiosidade de quem seria escolhido para ser a mulher invisível…

Devido a repercussão do post o Fernando agilizou o tema e graças a ele o blog está assim, bonitão, e eu estou conseguindo exercitar a minha escrita e desfrutando do prazer de compartilhar experiências…

A motivação deste post

Este post é portanto, parte do meu agradecimento a este amigo que tem me ajudado muito com esta tarefa de ter meu próprio blog…

Muito obrigado por toda a ajuda e a troca de ideias, tem me auxiliado muito…


Para o próximo, pretendo preparar algo mais técnico, visto que a ideia é também compartilhar novos conhecimentos dos temas que venho estudando…

Até o próximo post, espero que tenham gostado, e desejo a todos uma ótima semana…